Esportes

Treze anos, um skate e muitas medalhas

Por: João Paulo Nobile/Especial para AAN

No mundo dos esportes existem aqueles que chamamos de prodígios, ou seja, alguém que possui excepcional talento para a sua idade. Em Campinas, um garoto de apenas 13 anos vem conquistando espaço no cenário nacional. Skatista, Vinicius Tashiro se destaca por onde passa e atrai os olhares dos mais curiosos com suas manobras. Mesmo jovem, já tem em sua galeria de troféus um terceiro lugar no Campeonato Brasileiro de Super Park, um vice-campeonato Paulista de Banks, um primeiro lugar nos Jogos Regionais e um outro pódio no Campeonato Brasileiro de Banks.

Sua trajetória teve início ainda cedo, ao se deparar com um skate em uma loja de brinquedos. “Eu vi o skate na prateleira e achei legal. Pedi para o meu tio comprar e ele me deu de presente. Assim que ganhei já comecei a andar”, disse.

Das conquistas, a que mais orgulha o pequeno skatista é o Campeonato Brasileiro de Banks, e não era de se esperar outra coisa, já que foi o seu primeiro título no âmbito nacional. “É uma sensação inexplicável. Poder falar que sou o melhor do Brasil na minha categoria é muito legal”.

Tendo como espelho o multicampeão Pedro Barros, Vinicius divide suas atenções entre o esporte e o colégio. Segundo o garoto, provas, lições e atividades ligadas a questão escolar são as únicas coisas que o fazem largar o skate. Os pais não tem nenhuma influência nisso, a noção da importância dos estudos parte dele mesmo, que concilia as duas atividades muito bem.

Orgulhoso, o pai de Vinicius, Yoshiaki Tashiro ressaltou a disciplina do garoto. “Eu não preciso falar se tem prova. Ele mesmo deixa o skate de lado para poder estudar, não preciso me preocupar com isso”, contou.

Apesar de jovem, o pequeno já sofre com os percalços da modalidade. São duas fraturas no Metatarso, uma no pé direito e outra no esquerdo, pouco para fazê-lo desistir. “Machucar faz parte. Pode acontecer a qualquer momento, brincando ou treinando”.

Sobre o futuro, o prodígio espera coisas grandes. Mesmo tendo como outras opções virar engenheiro ou arquiteto, Vinicius sonha se tornar profissional e viver do skate. O campineiro inclusive pretende se mudar para a Califórnia, onde o esporte surgiu e as pistas existem em abundância. Mas não para por aí, com a inclusão do skate nas Olimpíadas, ele tem como objetivo trassado um dia poder disputar os Jogos.

Imagem: Dominique Torquato/AAN – Com resultados expressivos, o skatista Vinícius Tashiro já chama a atenção no cenário nacional.

Mais em: Correio Popular

Mais Acessadas

Início